Número total de visualizações de página

terça-feira, 13 de novembro de 2018

VI Festival do Milho e do Feijão

E lá estivemos...

À entrada, os trabalhos do Jardim de Infância e da EB1 da Zambujeira do Mar.


Pormenores de trabalhos do Jardim de Infância, mas com o panelão da sopa e as maçarocas de milho a rodear...

O famoso panelão, com os ingredientes da sopa de feijão. MMMNNNHHH...

Agora, a receita da sopa dos chefes...

Animação musical com "Gentes do Alto Mira". Muita atenção: neste grupo etnográfico não participam os Na'vi do planeta Pandora, que conhecemos no filme "Avatar". Ou participarão e terão sido apanhados pelo extraordinário fotógrafo?!...

Animação musical com "Rock nã Drome", a banda do nosso Filipe.

Concurso de papas de milho. A Anita ficou em 4.º lugar. Parabéns à Anita, que ganhou uma feijoada no restaurante I...

Se era Dia de S. Martinho, não podia faltar o Magusto.
     Não sabemos se alguém irritou o S. Martinho. É que não se pode contar o que aconteceu por volta das 5 da tarde do dia 11 de novembro, o verdadeiro Dia de S. Martinho. Terá sentido a falta de alguma coisa?

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Festival do Milho e do Feijão 2018

Na FACECO, este fim de semana...e a EB1 e o JI da Zambujeira do Mar estão lá! Não faltem! O programa está aqui abaixo.








O nosso magusto

   









      Eu e a minha escola fizemos um magusto. Os pais, as mães e os avós vieram, comeram castanhas e o bolo que a minha avó fez. Tivemos sumos, o professor, a Natércia, a educadora do Cavaleiro, o pai do Filipe, a avó da Maria e a Anita assaram as castanhas, eu e a  minha avó comemos castanhas e eu comi um rebuçado.
     Depois, os do Jardim de Infância do Cavaleiro contaram uma história e o Jardim de Infância da Zambujeira fez uma adivinha. Eu, a minha turma e a outra sala cantámos uma canção sobre o S. Martinho. Depois, eu e a turma atuámos com outra canção do S. Martinho e eu era o S. Martinho. Quando acabou, as mães, os pais e os avós foram-se embora e nós fomos almoçar.
     Eu gostei imenso e queria que fosse mais tempo. Espero que os pais, as mães e os avós tenham gostado e muito obrigado por tudo. E à Junta de Freguesia de S. Teotónio obrigado pelas castanhas e pelos sumos.

Leandro

     Hoje, dia 9 de novembro de 2018, nós fizemos o nosso magusto às 10 e 30. O dia de S. Martinho não foi hoje, mas como no domingo não havia escola, não podíamos fazer o magusto no domingo.
     No magusto havia castanhas, sumos, rebuçados, bolos e gomas. Acabou às 12 horas.
     Eu gostei muito do nosso magusto.

Filipe

     Hoje ás 11 da manhã no dia 09/11/2018 festejámos o dia de S. Martinho. Alguns pais tios e avós vieram assistir a ver-nos cantar e comer castanhas boas e quentes.Veio o jardim de Infância do Cavaleiro e também participou o Jardim de Infância da Zambujeira do Mar.
      Divertimo-nos muito.

Alexandra e Gustavo

     Hoje de manhã nós fizemos o magusto em nome de S. Martinho. O professor e a Natércia assaram castanhas e nós comêmo-las! Bebemos sumo, comemos bolos e rebuçados.
     Nós cantámos com a turma a, o Jardim de Infância do Cavaleiro também cantou e os do jardim de Infância da Zambujeira fizeram uma adivinha e disseram um poema.
     Eu adorei o Magusto!

Maria

     Hoje, dia 9 de novembro, fizemos um magusto às 10 e 30 da manhã. Vieram algumas pessoas mas não veio ninguém da minha família.
   Houve castanhas (é claro), houve sumos, doces, framboesas, bolo... Mas o melhor foram as músicas: atuaram os da turma A e nós, os do Jardim de Infância da Zambujeira e os do Jardim de Infância do Cavaleiro. Sim, eles vieram!
     Eu comi muito, cantei muito e brinquei muito.

Tiago




terça-feira, 6 de novembro de 2018

A Associação Cultural Recreativa e Desportiva Zambujeirense é muito amiga da nossa Escola!


     


     O nosso muito obrigado pela resposta positiva da ACRDZ, sempre que pedimos alguma coisa: a ACRDZ nunca disse um não às Escolas!     

Os alunos, os professores e a Educadora



Viva a ACRDZ!

     Viva a ACRDZ porque é lá que fazemos a maior parte das coisas. Por exemplo: o Natal, vemos teatros, quando está a chover vamos para lá... E também vamos lá às vezes para treinarmos teatros, canções e muitas mais coisas. A ACRDZ é muito grande, dá para brincarmos muito lá, é um lugar espetacular para tudo. Eu adoro o lugar.

Tiago
                                                       


     Obrigado à ACRDZ por tudo o que fizeram. Obrigado pelo espaço para a festa de Natal, obrigado pelo espaço para a prova de aferição. Obrigado pelo espaço para os teatros.Viva a ACRDZ! Eu adoro a ACRDZ.

Filipe


     A ACRDZ ajuda a Escola. Quando é Natal, vamos à Associação; quando vamos comer, é na Associação...
     Muito obrigado por ajudarem as Escolas da Zambujeira.

Leandro


      À ACRDZ temos que agradecer por tudo o que nos faz .
     Vimos um teatro, quando está a chover na ginástica usamos, a gente come lá e fazemos muitas festas.
     A ACRDZ ajuda-nos muito e eu digo muito obrigado.

Jean Lucas


    
     E agora , está claro, vamos fazer mais...dois pedidos:
     - Solicitamos o empréstimo de um grelhador para o dia 9 de novembro, dia em que vamos fazer o nosso magusto. Já estivemos a ver o grelhador que podemos trazer e nós, EB1 e JI, encarregamo-nos de o trazer.
     - Solicitamos a utilização do salão no dia 12 de dezembro, quarta-feira, para a nossa Festa de Natal. Isto irá implicar a preparação da festa, de que depois ultimaremos os pormenores. Como é hábito, a limpeza será da nossa responsabilidade.


     Relativamente a estas atividades, gostaríamos de ter sempre presentes representantes da Associação. Sabemos que não é fácil mas os alunos ficavam muito contentes!

Sessão de leitura do livro "Guardiões dos Rios"

Então, quem vai assistir a esta sessão de Leitura?

A imagem pode conter: texto






     No âmbito do Projecto Terra Seixe, vai decorrer uma sessão de leitura Infantil " Os guardiões dos rios", pela autora e ilustradora,  Inês Costa.

     É já no  próximo Sábado, dia 10 de Novembro, às 15h, na Biblioteca Municipal de Odemira.


Sessão de leitura do livro infantil “Guardiões dos Rios”

     As sessões de leitura do livro de ilustração infantil “Guardiões dos Rios” pretendem alertar e sensibilizar as crianças sobre a importância dos rios e ribeiras e os seus principais problemas. As sessões de leitura contarão com a presença da autora e ilustradora do livro, Inês Costa. Depois da leitura do livro será desenvolvida uma ação interativa de ilustração com os participantes. Não deixe que os seus pequenos e pequenas percam esta aventura!

     Agradeço a divulgação desta actividade e convido-vos a participar. 

Filomena Patrício


Prevenção de um sismo: exercício





     A nossa Escola participou neste exercício. Conforme se poderá ver no vídeo, há várias coisas a melhorar:
     - um simulacro não é uma brincadeira; 
     - as cadeiras caídas provocaram dificuldades na saída para o local combinado...
     - vários meninos não ouviram as instruções sobre o ponto de encontro! Muito mau!
     - o ponto de encontro não pode ser tão perto da palmeira das vassouras.
     Como não se podem prever os sismos mas sabemos que estamos numa zona de risco elevado, devemos estar prevenidos, muito prevenidos. Isto é a parte do ANTES DO SISMO ACONTECER... E é esta mensagem que os alunos têm de compreender e transmitir.
     A Turma B está obrigada a fazer um novo exercício!




     Hoje, às 11 e 5, nós fizemos um simulacro de um terramoto. Nós  fomos todos para debaixo das mesas  até o simulacro acabar. Depois fomos lá para fora e a turma A juntou-se e o jardim de infância também se juntou a nós para ver se estávamos todos.

       Mariana e Isabel


     Hoje, dia 5 de novembro de 2018, às 11 e 05, a minha turma, a turma da professora Joana e o jardim de infância estiveram a treinar o que se deve fazer quando houver um sismo. O meu professor pôs um vídeo do dia 11 de Março de 2011 de um terramoto que aconteceu no Japão. E quando acabou fomos lá para fora.
                                                         Filipe 


     Hoje, dia 5/11/2018, às 11 e 05, com a Escola toda, fizemos um treino para quando houver um terramoto. O professor pôs um vídeo no computador com o som de um terramoto.

Alícia e Carmen